79º Concerto da USP-Filarmônica

      

 

Regência: Rubens Russomanno Ricciardi

Solistas convidados:

Johannes Grau (Berlim, Alemanha) - Tenor

Zeliha Dudak (Izmir, Turquia) - Oboé

Wagner Ferreira (Ribeirão Preto) - Canto com microfone

Solistas da USP

Claudio Rogério Giovanini Micheletti (OSUSP) – Violino

Yuka de Almeida Prado (FFCLRP-USP) - Soprano

André Luis Giovanini Micheletti (FFCLRP-USP) - Violoncelo

 

Solenidade e Concerto Comemorativo aos 65 anos da FMRP-USP pela Série Concertos USP 

Realização da FMRP-USP, Pró-Reitoria de Cultura e Extensão Universitária da USP e FFCLRP-USP. 

PROGRAMA (sem intervalo) 

 

Francisco Manuel da Silva (1795-1865)

Hino Nacional Brasileiro (1831) – orquestração de Assis Republicano (1942)

 

Ennio Morricone (1928)

Oboé de Gabriel do filme A missão (1986) para oboé e orquestra

 

Charles Gounod (1818–1893)

Je veux vivre, ária da ópera Romeu e Julieta (1867) para soprano e orquestra

 

Piotr Ilitch Tchaikóvski (1840-1893)

para violoncelo solo e cordas

 

Rubens Russomanno Ricciardi (1964)

Amar e ser amado (2014) com poema de Castro Alves para tenor, violino e orquestra de cordas - Estreia mundial

 

Giacomo Puccini (1858-1924)

Nessun dorma, ária da ópera Turandot (1926) para tenor e orquestra

 

Friedrich Holländer (1896–1976)

- Ich bin vom Kopf bis Fuss auf Liebe eingestellt do filme O Anjo Azul (1930) para tenor e orquestra – arranjo de Peter Kreuder (1930) e orquestração de Rubens Russomanno Ricciardi (2016)

- You leave me breathless do filme Cocoanut Grove (1938) para tenor e orquestra - arranjo de Gilberto Mendes (1993) e orquestração de Rubens Russomanno Ricciardi (2016)

- You leave me breathless do filme Cocoanut Grove (1938) para canto com microfone e orquestra - orquestração de Rubens Russomanno Ricciardi (2016) de acordo com a versão original do filme

 

Lundum Anônimo brasileiro (início do século XIX)

Lundum - Dança popular brasileira editada por Martius e Theodor Lachner (ca. 1825), com nova versão Congada para piano por Francisco Mignone (1921) e orquestração e ainda novo arranjo por Rubens Russomanno Ricciardi (1995)

 

Ary Barroso (1903-1964)

Aquarela do Brasil (1939) – arranjo e orquestração de Rubens Russomanno Ricciardi (1995)

Ingressos

Entrada Franca


Data: 28/08/2017
Horário: 20:30

Local: Theatro Pedro II

Classificação: 12 anos

79º Concerto da USP-Filarmônica