Loading...

Baderna Moderna - Festival Sesc Música de Câmara

      

 

Baderna Moderna é um núcleo multilíngue que nasceu com o propósito de apresentar uma música contemporânea em um formato diverso do concerto tradicional. Seus integrantes são parceiros de longa data que se unem para promover a criação de espetáculos associados a outras linguagens artísticas.

Helena Piccazio é fundadora do Baderna Moderna e violinista da Orquestra do Theatro Municipal de São Paulo. Frequentou e em festivais na Suíça e na Itália. No Brasil colaborou com a Camerata Aberta, com a qual gravou o álbum Sobreluz. A flautista Sarah Hornsby tem ampla atuação em ensembles focados em música nova, dentre eles o Kammerensemble Neue Musik Berlin e Camerata Aberta. É professora da Emesp e da Unesp. Diogo Maia é claronista da Orquestra do Theatro Municipal de São Paulo. Integra vários grupos de câmara, entre eles o quinteto de clarinetes Sujeito a Guincho. Formada em música pela Unesp e com mestrado pela Unicamp, a percussionista Nath Calan atua na Orquestra Sinfônica Municipal de Santos e na Bachiana Filarmônica, além de se dedicar a projetos infantis nos quais também atua como baterista. A bailarina Bruna Piccazio explora a relação entre dança e música. Dentre seus espetáculos destacam-se os Inquietos, premiados pela Funarte em 2015, e Interfaces, com colaboração do Balé da Cidade de São Paulo.

Ficha técnica

Helena Piccazio, violino
Sarah Hornsby, flauta
Nath Calan, percussão
Diogo Maia, clarinete e
claro Brunazio, direção de espetáculo e criação corpóreo-musical
Claudia Piccazio, roteirista

 

Programa

“Tem música nos meus olhos”

L. v. Beethoven (1770-1827)

Sinfonia nº5 em dó menor, op.67 – arranjo de Sarah Hornsby

Alexandre Lunsqui (1969)

(P) Logo

G. Ligeti (1923-2006)

Bagatelas III e IV – arranjo de Sarah Hornsby

Clara Gallardo e Joaquin Sanchéz (Duo Zopli2)

Melodia de la secuoya

Oliver Messiaen (1908-1992)

Abîme des oiseaux (do Quatuor pour la fin du temps)

Fredrik Högberg (1971)

Bogo Bogo

Ian Clarke (1964)

Tubo de Zoom

Marlui Miranda (1949)

Tche Nane (do Povo Djeoromitxi de Jaboti)

Iannis Xenakis (1922-2001)

Rebonds B

(E músicas originais do grupo Baderna Moderna)

 

Informações: (16) 3977-4477  ou www.sesc.com.br/unidade/sesc-ribeirao-preto/

Ingressos

R$ 24 inteiros | R$ 12 Meia-entrada |R$ 7 Credencial Plena

Venda presencial somente na unidade Sesc Ribeirão Preto, dia 01/06 a partir das 17h. Grátis para crianças até 12 anos.

Ponto de Venda – SESC Ribeirão: Rua Tibiriça, 50, Centro, Ribeirão Preto.

Para ingressar no Theatro Pedro II é obrigatório apresentar a carteira de vacina com 2 doses (físico ou digital) ou teste negativo para Covid-19.

Não será permitida a entrada após o início do espetáculo, não haverá troca de ingressos e nem devolução de valor.

A realização e produção do evento é de inteira responsabilidade da empresa produtora/realizadora, sendo a Ticketeira contratada como intermediadora da venda dos ingressos.

Ingresso online: apresente na tela do celular, a validação será feira via QR Code, não repasse seu “QR Code” a ninguém, é para preservação de sua responsabilidade de uso e do mesmo.

Para melhor conservação do Theatro Pedro II é proibido o consumo de bebidas e alimentos dentro das salas de espetáculos.

Verifique seu ingresso (data, local, horario e lugar escolhido) e troco no ato da compra. Trocas ou devoluções posteriores não foram efetuadas.

Para sua comodidade, chegue 30 minutos antes do horário marcado.

Comprar

Data: 11/06/2022
Horário: 16:00

Local: Sala Principal

Classificação: Livre

Baderna Moderna - Festival Sesc Música de Câmara
Informações

Theatro Pedro II, o terceiro maior teatro de ópera do país.

Rua Álvares Cabral, 370, Centro
Ribeirão Preto-SP | CEP 14010.080
Fone: (16) 3977.8111

E-mail: contato@theatropedro2.pmrp.com.br

contato2@theatropedro2.pmrp.com.br

Facebook
Redes Sociais